VIDAS CÍCLICAS (2003)

  Primeiro espetáculo do grupo, baseado no expressionismo alemão e na dança-teatro. O ciclo da vida é colocado em xeque: o nascimento, a infância, a adolescência, a maturidade, a maternidade, a velhice e a morte, fazendo com que o publico reflita sobre sua própria existência e os rumos que a vida pode nos oferecer. O espetáculo percorreu diversas cidades do Brasil, recebendo 21 indicações e 7 prêmios em festivais e mostras.

                                                                                              

                                                                                 

 

 

BELEZA NEGRA

Uma grande homenagem à cultura negra. Samba, jazz, história, gastronomia, capoeira e todo o grande legado que o povo negro trouxe para a cultura brasileira. O espetáculo surgiu em 2009 e já participou de vários projetos como Mola (Mostra de Artes do Circo Voador), Teatro Sesc nas escolas, Festival de Curitiba entre outros.

O FOLCLORE DO AMOR (2011)

 A apaixonante história de Literário e Cordelina que vivem em pé de guerra, mas no fundo só querem entender o que é o amor. Os grandes casais de amor da história, da literatura, dos desenhos animados e até da vida real são relembrados nessa fábula que mostra que o clássico e o popular tem lugar dentro da literatura e que o amor vence todas as barreiras. O espetáculo possui 7 indicações e 4 prêmios em festivais e mostras

CORDEL DA MORTE MORRIDA (E, ÀS VEZES, MATADA) 2013

Quem matou James Garcia? 4 suspeitas se apresentam para dar suas versões. Os grandes vilões de novelas, filmes, histórias de medo, lendas e tudo que envolve o medo nessa hilariante comédia. Venha ser o detetive e ajudar a investigar esse crime! O espetáculo estreou em 2013, no Festival de Teatro de Curitiba, participou do Festmar e do Festival de Teatro de Paranavaí, recebendo o prêmio da Comissão Organizadora.

DO OIAPOQUE AO CHUI, O BRASIL É BEM AQUI!  (2012)

O Fim do Mundo se aproxima e qual região do Brasil merece representar o país no novo mundo que se formará? Uma grande viagem aos 5 cantos do país brincando com as lendas, personagens, personalidades, crenças e culturas desse país tão rico! O espetáculo estreou em 2012, no Festival de Curitiba, participou do Rio+20, do Aldeia Sesc entre outros eventos.

 

 

O QUE É QUE ESSE BAIANO TEM? (2014)

A história do grande Dorival Caymmi que completou 100 anos em 2014. As canções praieiras, os sambas, a bossa nova, a vida simples desse baiano que transformou sua terra em poesia. Estrou em 2014 no Festival de Teatro de Curitiba

CONTAROLANDO LUIZ GONZAGA (2012)

A incrível história do Rei do Baião. A saga de um nordestino que enfrentou a cidade grande para colocar a música nordestina no rol da música popular brasileira. Seus amores, suas dificuldades e a dificil relação com seu filho neste espetáculo repleto de alegria. O espetáculo estreou em 2012, no centenário de Luiz Gonzaga e já participou da Mostra Piás e Gurias, BiblioSesc , Aldeia Sesc Caiuá, entre outros eventos.

UM AMOR DE CARNAVAL (2013)

Uma linda história para crianças sobre o carnaval. Os personagens clássicos como Pierrô, Arlequim e Colombina transformados para a cultura brasileira em uma grande confusão misturando a história do carnaval, os grandes bailes e o amor verdadeiro. O espetáculo estreou em 2013 no Festival de Curitiba e participou do Aldeia Sesc Caiuá.

A DESCOBERTA DOS SENTIMENTOS (2010)

 Uma menininha cheia de duvidas em seu coração.... Como expressar aquilo que se sente na melhor maneira? Surgem, então, os próprios sentimentos! Quem melhor que eles para mostrarem suas qualidades? Um universo mágico e repleto de sonhos nesta linda fábula infantil. O espetáculo estreou em 2010 no Teatro Candido Mendes, ficando em cartaz por 3 meses. Participou do Festival de Curitiba, do Festival de Rio Bonito onde recebeu os prêmios de direção e atriz, fez uma temporada no Sesc Nova Iguaçu e participou do Festival de Duque de Caxias 2010.

 A FALSA MAGRA (2008)

Cena cômica sobre o maior mal da mulher: a balança! O espetáculo conta a história de uma personagem e suas 3 facetas: magrela, normal e gordinha. Repleta de intervenções sonoras e gulodices, a cena faz um retrato dos preconceitos e da sociedade que vive no pecado da gula. Recebeu 5 premios: melhor atriz, melhor cena, melhor texto, melhor direção e juri popular. Participou dos festivais de Resende, Elbe de Holanda e eventos em bares e restaurantes

SORRIO MARAVILHA (2010)

SORRIO MARAVILHA é uma comédia musical que faz uma viagem a cultura, as belezas e a história nacional tendo como pano de fundo a cidade do Rio de Janeiro, convidando a todos para brincar, conhecer e se divertir com as maravilhas da cidade que, em breve, abrigará  as Olimpíadas, exercitando, assim, a cidadania brasileira . Com um texto leve e divertido e recheado de musicas populares, possui 50 minutos de duração.  O espetáculo é indicado para todas as faixas etárias sendo uma grande festa de música, dança e história. 

O espetáculo estreou em 2010, no Festival de Teatro de Curitiba, fez uma breve temporada no Sesc Nova Iguaçu, participou do Festival de Teatro dos Agulhas Negras e do Festmar de Verão, além da Mostra de Comédia em Campos. No Festival de Teatro de Rio das Ostras, recebeu a indicação para Melhor Atriz (Luciana Ezarani) Em 2015, esteve novamente na programação do Festival de Curitiba.

SORRIO MARAVILHAproj2015.pdf SORRIO MARAVILHAproj2015.pdf
Tamanho : 1235 Kb
Tipo : pdf

ESSAS MULHERES... (2015)

ESSAS MULHERES... é uma comédia que retrata o feminino e os diversos papéis desempenhados por "elas" no mundo. Conta a história de grandes mulheres que revolucionaram o mundo e apresenta as diversas facetas da mulher moderna que se desdobra para ser mãe, trabalhadora, sonhadora, amante e sem preconceitos. Mostra a evolução do papel feminino nas diversas sociedades, sua cultura, sua personalidade e seus mistérios.

Estreou no Festival Internacional de Teatro de Rua do Aracati/CE 2015. Participou do Arte em Laranjeiras e Cosme Velho, da I Mostra do Universo Feminino e recebeu 3 premios no II Festival de Teatro Carpe Diem (melhor espetáculo, melhor préproduçao - video, melhor atriz coadjuvante (Cintia Travassos), além de 2 indicações - melhor Texto e Melhor atriz (Luciana Ezarani)



O REI DA FEIRA (2017)

O Rei da Feira é um drama que conta a história de Tião. Tião é feirante que veio da roça para cidade grande.  Em meio a sua  história na feira, Tião se revela um homem dúbio. Um vendedor simpático e carismático, porém ciumento e repleto de mistérios que fazem com que o público tente descobrir o que realmente é verdade dentro dessa grande feira. Quem passa pela feira, não sabe o que está por trás da barraca...

O Espetáculo O Rei da Feira inicia sua estreia em abril/2017 no festival de teatro de Curitiba , fez duas temporadas nos teatro Arthur Azevedo e Teatro Armando Gonzaga pela FUNARJ-  Fundação Anita Mantuano de Artes do Rio de Janeiro. Fez parte da programação do Espaço Amir Hadad e da Mostra Aslucianas 2014

AMARÉ - CONTOS DO MAR (2018)

"AMARÉ - CONTOS DO MAR" é uma contação de história baseada em diversas histórias e canções que trazem o mar como referência. O espetáculo é baseado nas obras O Mar , de Rubem Braga, A Pequena Sereia , de Hans Christian Andersen e as canções praieiras de Dorival Caymmi Nas ondas do mar, o balanço das águas traz muitos referenciais para a vida das pessoas. Os contos do mar são contos que rejuvenescem e inspiram o bem viver. Do mar para a terra e da terra para o mar, histórias das águas vamos contar.